Abertura do ano letivo 2017/2018

 

O Agrupamento de Escolas de Barrancos começou o ano letivo 2017/2018 no dia 13 de setembro.

 

De acordo com a agenda distribuída, as crianças da educação pré-escolar foram as primeiras a ser recebidas no jardim-de-infância, onde se encontravam as educadoras e auxiliares. Já nas salas de atividades, depois da receção às crianças, foi realizada a primeira reunião com a participação da coordenadora do jardim-de-infância, Arlete Caldeira, as educadoras de sala, Natércia e Licínia, e os representantes do serviço municipal de educação (UASC), Jacinto Saramago e Elsa Rodrigues. No caso das componentes de apoio à família, promovidos pelo Município em parceria com o agrupamento, foram os pais relembrados que têm à sua disposição três serviços: a antecipação matinal de entrada no jardim-de-infância (entre as 8h00-9h00); o apoio durante as refeições escolares e no período do descanso para almoço (12h30-14h00); e o prolongamento do horário (15h30-17h30/18h00).

 

Às 11 horas, foi a vez do acolhimento dos alunos do 1º ciclo, no qual participaram o diretor e a adjunta do diretor, Bento Caldeira e Cláudia Costa, a vice-presidente da Câmara Municipal de Barrancos, Isabel Sabino, e o chefe da UASC, Jacinto Saramago. Nas conversas de boas-vindas, nas diferentes salas de aula, o diretor do agrupamento e a vice-presidente da CMB felicitarem alunos, pais e encarregados de educação presentes. O diretor do agrupamento, depois de dar conta das melhorias verificadas ao nível das instalações - pintura geral, novas caixilharias de janelas, com vidros duplos, e novas persianas, que garantem maior conforto -  explicou que este ano os manuais escolares, oferecidos pelo ministério da educação ao 1º ciclo (1º a 4º ano), deverão ser devolvidos no final do ano letivo, seguindo o princípio da reutilização.  No seguimento da conversa, a vice-presidente da CMB, informou que o mesmo não acontece em relação aos cadernos de atividades, oferecidos pela Câmara Municipal.

 

De tarde, a partir das 14 horas, começou a receção aos alunos do 2º e 3º ciclos (5º a 9º anos de escolaridade), também com a presença da direção do agrupamento,  da vice-presidente da CMB  e do chefe UASC. Par além do destaque positivo da presença de muitos encarregado(a)s de educação, salientou-se que este ano o Município de Barrancos ofereceu os manuais escolares aos alunos dos 2º e 3º ciclos do agrupamento. A vice-presidente da CMB, Isabel Sabino, explicou que o "programa municipal de oferta de manuais escolares, adotado em Barrancos desde há vários anos, para o 1º ciclo, foi este ano letivo alargado ao 2º e 3 ciclos, constituindo uma medida de apoio às famílias e de incentivo à educação". O diretor do agrupamento, Bento Caldeira, depois de agradecer à vice-presidente o apoio disponibilizado pela CMB, recordou que medidas de apoio às famílias, como a oferta de manuais escolares, deveriam ter carácter universal, ou seja, generalizada para todos os alunos do País e não só para aqueles territórios onde os seus municípios adotam estas políticas sociais.